top of page
Buscar

MULHER DANDO BOM TESTEMUNHO AO EXPANDIR O REINO E FAZER MISSÕES

Atualizado: 5 de nov. de 2022


Sugestão de estudo para reunião de mulheres no mês de setembro


O propósito da vida de todo crente é glorificar a Deus e fazer Seu nome conhecido na Terra. No entanto, com o corre-corre da vida, em nossas atividades e relações, vamos vivendo no modo automático e, esquecidos desse objetivo, acabamos achando que isso é normal. Os resultados desse esquecimento, porém, são catastróficos.


Como exemplo disso, podemos ver o relato sobre um campo missionário transcultural, cujos missionários perceberam uma certa antipatia dos moradores da comunidade em relação à igreja que nascia naquele lugar, pois se havia se estabelecido ali uma grande rivalidade entre católicos e protestantes e era perceptiva a falta de bom testemunho por parte dos poucos convertidos que já havia ali. Percebia-se que nem familiares e parentes dos crentes queriam ir àquela igreja. Estava claro aos missionários que isso era um grave problema e certamente estava atrapalhando o crescimento da igreja que estava sendo plantada ali. Precisaria de uma rápida mudança para que eles alcançassem bom êxito naquele lugar e demandaria um grande esforço neste sentido.


Creio que o desafio de ser discípulo e testemunha de Jesus não seja somente para os crentes daquele campo missionário, mas um desafio a todas as igrejas, em todos os lugares. Então, isso tem a ver comigo e com você.


JESUS NOS CHAMOU PARA SERMOS TESTEMUNHAS DELE


Ele espera, assim, que toda mulher cristã também dê um bom testemunho. E isso significa cumprir a grande comissão, e, em se tratando da grande comissão, precisamos ter em mente que essa “comissão”, o “Ide” de Jesus, não é uma opção, trata-se de um imperativo, ou seja, uma ordem.


Em Mateus 28:19, Jesus nos manda ir; e esse ir, é de forma sacrificial, como em Atos 1:8: “sereis minhas testemunhas”. A palavra grega é Μάρτυρες de onde temos a palavra “Mártir”, ou seja, deve haver um grande esforço, ainda que com sacrifício da nossa parte. Portanto, como cidadãs do reino de Cristo e comissionadas para essa preciosa missão, devemos atender algumas exigências que nos são propostas:


O REINO EXIGE QUE VOCÊ COMPREENDA A SUA MISSÃO


Muitas mulheres ainda não se encontraram, em relação aos seus dons, frente às necessidades da igreja local. Champlin diz: “É entristecedor o fato de que muita gente passa toda a sua existência terrena sem qualquer tentativa ou sem fazer a mínima ideia de conhecer qual é a missão de sua vida.” (Comentário Bíblico, de Russell N. Champlin).

Deus chama você, mulher, para a obra missionária. Mas são poucas as mulheres que realmente entendem e aceitam este desafio. É preciso uma clara compreensão de como realmente você pode ser parte desta missão. Creio firmemente que podemos levar essas boas novas, que trazem transformação e libertação e fazermos parte do privilégio de anunciar, de cumprir essa incumbência tão importante.


Isso me traz à memória a história da mulher Samaritana: uma pecadora que teve cinco maridos, desprezada pela sociedade que, ao conversar com Jesus, Este lhe disse que se ela bebesse da água que Ele lhe desse, nunca mais teria sede. Jesus estava afirmando que poderia satisfazer todas as necessidades daquela mulher. Jesus não a ignorou, mas quebrou todas as barreiras sociais ao conversar com a mulher Samaritana de João 4. Ao ter um encontro com Jesus, ela foi correndo anunciar, radiante e sem qualquer constrangimento, o Messias prometido. Ela saiu a testemunhar, ou seja, a proclamar as boas novas do Cristo aos moradores de Samaria, que foram a Jesus e creram Nele. Somente quando Jesus ocupa o centro, satisfazendo nossas carências mais profundas, é que nosso testemunho será aceito pela sociedade.


O REINO EXIGE QUE VOCÊ SEJA UMA MULHER OBEDIENTE


Quando olhamos para o mundo corporativo, a proatividade é algo essencial, as empresas buscam resultados rápidos e, para isso, escolhem colaboradores que sejam proativos. Infelizmente, porém, muitas vezes, em relação ao reino de Deus, ficamos inertes frente à grande missão que temos.


A mulher cristã não pode estar dentro desta estatística, tendo em vista que as Escrituras deixam claro que o Espírito Santo distribuiu dons aos crentes (I Co 12:8-10) para darem bom testemunho, independentemente de um dom específico.


Obedecer é sair da inércia que acomete a muitas que não buscam a compreensão da missão. Só irão agir se forem obedientes ao chamado e mandado do Senhor. Dentre as muitas mulheres que serviram a Jesus, olhemos para Maria Madalena: depois de ser liberta por Jesus, passou a segui-Lo, estando sempre presente ao lado do Mestre. Maria Madalena se mostrou uma seguidora fervorosa, em obediência e gratidão, permanecendo até a morte ao lado de Jesus. A sua fidelidade se transformou em alegria ao ver novamente a face do Senhor Jesus, em sua ressureição. A obediência nos leva à ação.


O REINO EXIGE QUE VOCÊ SEJA UMA MULHER DE AÇÃO


Conheço mulheres dedicadas e ativas no trabalho de missões em suas igrejas locais. Essas mulheres talvez pudessem ser mais aproveitadas pelas lideranças das igrejas na promoção de campanhas de oração e arrecadação de recursos, em apoio aos missionários e à Missão Cristã Evangélica (MCE).


Você também pode servir ao Senhor e fazer expandir o reino de Deus praticando a hospitalidade para com os missionários, recebendo-os em sua casa. Faça como Lídia: uma mulher temente a Deus que foi usada pelo Senhor e que fez de sua casa um lugar que servia à obra missionária, pois ali recebeu e cuidou do apóstolo Paulo e Silas, fazendo assim da sua casa a primeira igreja da Europa, na cidade de Filipos (At 16:14,15).


Como missionária em Arapapuzinho – PA, trabalhando entre os ribeirinhos, me sinto muito agraciada quando irmãs, em igrejas às quais visitamos, demonstram o desejo de nos servir com hospedagem em sua casa; quando irmãs relatam que o ministério de mulheres está orando pelos missionários e eu também sou alvo de suas orações (isso nos anima, ao saber que não estamos sós); quando promovem meios para arrecadação financeira para a obra missionária.


CONCLUSÃO


Se quisermos ser relevantes na missão de testemunhar, precisamos entender que fomos

comissionadas. Além disso, precisamos obedecer e agir. É dever de todas nós, no poder do Espírito Santo, dar testemunho de Jesus. Sejamos unidas na evangelização do mundo, seja onde estamos ou em lugares transculturais e de difíceis acessos. Mulheres, com sua alegria, capacidade, disponibilidade e o desejo de compartilhar esse amor, podem realizar contribuições importantes para obra missionária.


Deus deseja que sejamos como Jesus, que sempre foi obediente ao Pai. Deus anseia por revelar Seus caminhos através de nós, porque esta é a maneira de realizar os Seus propósitos. O Senhor quer completar a obra Dele por meio de você, entretanto, você deve se ajustar à Sua vontade, em obediência, renunciando suas vontades, apoiando os campos.

Sempre há o que fazer.


Que o Senhor nos desperte e nos use como desejar. ❃


Por Maria Francisca da S. Lopes

19 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page